Só quatro deputados de Santa Catarina apoiam denúncia contra  de Michel Temer

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

 

Só quatro, dos 16 deputados federais de Santa Catarina, declararam ser a favor da denúncia criminal apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR), contra o presidente Michel Temer (PMDB). Cinco parlamentares do Estado responderam que não sabem e sete não responderam ao levantamento feito pelo Jornal Folha de São Paulo. São necessário 342 votos para que a denúncia seja aceita ou 172 para barrar a denúncia no Congresso.  

O jornal  procurou todos os 513 deputados da Casa após o STF (Supremo Tribunal Federal) receber a denúncia, em que Temer é acusado de corrupção passiva. O presidente receberia a mala de R$ 500 mil de propina da JBS, além de promessa de outros R$ 38 milhões em vantagens indevidas. Cabe agora, à Câmara dos Deputados, aceitar ou não a denúncia, com os votos de no mínimo 342 deputados, para que o STF possa abrir a ação penal. Nessa hipótese, Temer seria afastado por até 180 dias para ser julgado.

 

A FAVOR DA ACEITAÇÃO DA DENÚNCIA:
Décio Lima (PT)
Jorge Boeira (PP)
Jorginho Mello (PR)
Pedro Uczai (PT)

 

NÃO SABE:
Carmen Zanotto (PPS)
Celso Maldaner (PMDB)
Esperidião Amin (PP)
João Rodrigues (PSD)
Rogério Peninha Mendonça (PMDB)

NÃO RESPONDEU:
Cesar Souza (PSD)
Geovania De Sá (PSDB)
João Paulo Kleinubing (PSD)
Marco Tebaldi (PSDB)
Mauro Mariani (PMDB)
Ronaldo Benedet (PMDB)
Valdir Colatto (PMDB)

 

Comentários