Violência contra crianças e adolescentes é tema de ação em escolas de Petrolândia

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Iniciativa se estende tanto às escolas municipais, quanto à rede estadual de ensino

Depois de ter realizado atividades educativas na data de 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, as Secretarias de Assistência Social e de Saúde trabalham em parceria para dar continuidade à conscientização, através de um projeto que abrange todas as escolas de Petrolândia.

Para a educação infantil, foi criado um jogo chamado Trilha da Proteção, em que, ao jogar o dado e passar pelo caminho, as crianças conhecem mais sobre órgãos como a delegacia, o Conselho Tutelar, além do canal de denúncias Disque 100. “Durante o jogo, vamos conversando com as crianças sobre o que é cada órgão, para que servem e como denunciar”, explica Ana Carolina Capistrano, secretária de Assistência Social.

Já nas Escolas de Educação Básica Hermes Fontes e Frederico Probst são ministradas palestras voltadas à sexualidade. “Além de falar sobre esse tema, orientar sobre denúncias e procedimentos, queremos prevenir a gravidez na adolescência”, aponta Ana.
As ações se estendem até 24 de setembro, data que marca o Dia Estadual de Combate à Violência e à Exploração Sexual Infanto-Juvenil. “Nesse dia, fecharemos o ciclo desse projeto com um grande encontro de alunos e famílias. Pretendemos trazer uma palestra show sobre o assunto, para atrair toda a comunidade”, revela a secretária.

Comentários