Dia do gato: SC precisa de um plano de ação para o bem-estar animal

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O deputado Natalino Lázare está buscando informações, subsídios, experiências e cases para a criação de legislação e implantação de uma política pública específica e funcional para resolver o problema dos animais domésticos (principalmente cães e gatos) que são abandonados nas ruas e áreas rurais dos municípios catarinenses.

Com este intuito, o parlamentar foi recebido em audiência pelo prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes, no gabinete dele, para conhecer a experiência bem sucedida do Centro de Prevenção e Recuperação de Animais Domésticos, o Cepread, que é um case de sucesso em Santa Catarina. O secretário de Comunicação de Blumenau, Marco Antônio Wanrowsky, e o diretor do Cepread, veterinário Luiz Carlos Kriewall, também participaram da audiência.

Natalino Lázare também foi a um dos pet places da cidade – praças especiais onde os cães e gatos podem brincar livremente, sem coleiras e sem correram ou oferecerem riscos – e à sede do Cepread, na Vila Itoupava, onde os animais são acolhidos, tratados, recuperados e encaminhados posteriormente para a adoção com o apoio das entidades que se dedicam à causa animal. “Está na hora de Santa Catarina criar um plano de ação para o bem-estar animal.”

CASE DE SUCESSO

O prefeito Napoleão Bernardes implantou o Cepread no escopo da reforma administrativa, no primeiro dia do seu primeiro mandato, em janeiro de 2013.  “Pela falta de legislação federal e estadual específica, sancionei uma lei municipal, definimos a estrutura, que é toda administrada e tocada por técnicos da área. Os resultados têm sido extremamente positivos,” resumiu Bernardes, enaltecendo a iniciativa do deputado Natalino Lázare, “que pode dar um norte a esta questão tão importante.”

O deputado saiu encantando da agenda. O problema que está sendo muito bem resolvido em Blumenau atinge praticamente todos os municípios catarinenses. Não podemos mais nos conformar com os paliativos existentes. Precisamos de uma política pública estadual séria, exequível e que realmente possa ser benéfica para o bem-estar dos animais domésticos, o que hoje já é uma realidade em Blumenau pela inciativa e visão do prefeito,” argumento Natalino Lázare, salientando que o Estado precisa dar um norte nesta questão aos administradores municipais.

SAIBA MAIS

CEPREAD

O Centro de Prevenção e Recuperação de Animais Domésticos é um órgão municipal que está subordinado à Secretaria Municipal da Saúde. Foi criado em 14 de Julho de 2014, pela lei municipal n°8.001. Tem a missão de estabelecer e executar políticas públicas de bem estar animal. O órgão atende denúncias de maus tratos, realiza atendimento médico veterinário para animais errantes / comunitários e realiza educação em saúde visando conscientização para guarda responsável de animais. Além disso, promove o controle populacional de cães e gatos.

Comentários