Pets ganham tratamento através da acupuntura

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Técnica não possui restrições e oferece muitas vantagens para animais de todas as idades

Com tantos tratamentos e possibilidades, ainda não se descobriu uma forma de aumentar drasticamente a expectativa de vida dos pets. Mas já se sabe que algumas medidas são bastante eficazes para melhorar a saúde dos bichinhos. Uma delas é a acupuntura veterinária, procedimento muito parecido com o aplicado nos humanos e que já é realidade nas regiões do Médio e Alto Vale.

O tratamento consiste no estímulo de determinados pontos pelo corpo do animal, restabelecendo o equilíbrio e tratando de dores e doenças. “O processo estimula certos pontos do corpo de cães e gatos através da inserção de agulhas, massagens, aplicação de calor, laser ou aplicação de substâncias, reequilibrando o funcionamento do corpo como um todo”, explica a médica veterinária, Amanda Adriana da Silva.

Segundo ela, a acupuntura pode ser feita em pets de qualquer idade ou sexo e, também, em todas as partes do corpo, sem causar dores nem reações adversas. “É uma terapia segura, rápida e eficiente. É pouco invasiva, não causa estresse ou traumas nos animais, tudo é feito de forma natural e traz inúmeros benefícios”, ressalta.

A profissional, qualificada para o procedimento, explica ainda que o tratamento é aplicado de acordo com a necessidade do animal. “A quantidade de sessões depende da resposta e patologia do pet. Animais idosos preferem manter o tratamento mais prolongado e não fazer uso de anti-inflamatório, por exemplo”.

Como benefício, a acupuntura atua na melhora de doenças musculares, problemas de estrutura óssea, sistema gastrointestinal, reprodutivos, doenças respiratórias e neurológicas. Além disso, as agulhas tem o poder de causar relaxamento nos animais, promovendo assim um tratamento natural, mais humanizado e que dará aos amigos peludos novas possibilidades quando o assunto é qualidade de vida.

TEXTO: Alinhar Comunicação

Comentários