Compare os gastos com diárias em 28 Câmaras do Alto Vale

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O Poder Legislativo de Taió foi o que menos utilizou diárias na região em 2017, os dados mostram que a Câmara taioense ficou em último lugar nos gastos com viagens.  Já os vereadores de Ituporanga, foram os que mais usaram o beneficio, foram mais de 100 mil reais em um ano. E o maior gasto per capta foi em Atalanta, onde cada cidadão pagou da R$ 24,88 para os vereadores viajarem. 

A Câmara de Vereadores de Taió foi a que menos gastou em diárias e despesas com locomoção e passagens em todo o Alto Vale do Itajaí no ano de 2017. Foram R$ 6.141,02 (R$ 5.067,90 em diárias e R$ 1.073,90 em locomoção), os dados foram levantados em uma pesquisa feita nos portais da transparência das Câmaras dos 28 municípios da região.

A pesquisa foi realizada entre os dias 08 e 12 de janeiro. Na soma dos 28 municípios os legislativos municipais gastaram em todo o Alto Vale R$ 1.402.586,64 em diárias e despesas com locomoção.  Taió também teve destaque na média per capta, o Legislativo gastou em média R$ 0,33 por morador, número que só foi superado pela Câmara de Rio do Sul, que utilizou R$ 15.600,43 em diárias e teve média per capita de R$ 0,22.

A lista com os dados segue abaixo, alguns portais distinguem os gastos com diárias dos gastos com passagens e locomoção, em outros os gastos específicos com passagens não foram localizados ou não foram lançados separadamente com a devida distinção.

 

Município Gastos Diárias Gastos Passagens, locomoção Total

Hab.

Média per capita
1º Ituporanga 68.835,00 32.109,00 100.944,00 24.622 4,09
2 º Ibirama 98.737,65 98.737,65 18.721 5,27
3 º Lontras 92.838,00 92.838,00 11.774 7,88
4 º Atalanta 61.609,86 19.364,31 80.974,17 3.254 24,88
5 º Laurentino 70.949,35 6.017,73 76.967,08 6.790 11,33
6 º Braço do Trombudo 64.186,87 12.682,51 76.869,38 3.709 20,72
7 º Aurora 76.711,06 76.711,06 5.688 13,48
8 º Agronômica 58.387,49 17.231,45 75.618,94 5.437 13,90
9 º Agrolândia 58.554.89 14.722,15 73.277,04 10.581 6,92
10 º Trombudo Central 58.917,00 11.500,22 70.417,22 7.211 9,76
11 º Pouso Redondo 62.510,00 62.510,00 16.957 3,68
12 º Santa Terezinha 42.892,70 16.007,30 58.900,00 8.846 6,65
13 º Presidente Getúlio 58.000,00 58.000,00 16.996 3,41
14 º Rio do Oeste 55.448,00 55.448,00 7.463 7,42
15 º Imbuia 40.152,32 7.286,82 47.439,14 6.133 7,73
16 º Witmarsum 31.143,37 14.354,37 45.497,74 3.912 11,63
17 º Rio do Campo 43.074,90 43.074,90 6.043 6,89
18 º Dona Emma 24.710,00 9.791,00 34.501,00 4.081 8,45
19 º Salete 32.825,00 32.825,00 7.634 4,29
20 º Mirim Doce 31.477,22 31.477,22 2.374 13,25
21 º Petrolândia 25.663,37 5.316,40 30.979,77 6.021 5,14
22 º José Boiteux 17.976,35 17.976,35 4.887 3,67
23 º Rio do Sul 15.600,43 15.600,43 69.188 0,22
24 º Vidal Ramos 12.100,00 12.100,00 6.356 1,90
25 º Vitor Meireles 9.925,00 9.925,00 5.056 1,96
26 º Chapadão do Lageado 5.860,44 3.386,09 9246,53 2.953 3,13
27 º Presidente Nereu 7.590,00 7.590,00 2.304 3,29
28 º Taió 5.067,90 1.073,90 6.141,02 18.261 0,33

 

Dados:  Albanir Junior

Comentários