Escola é revitalizada em Trombudo Central

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O Centro de Educação Básica Erica Hasse, no bairro Bracatinga I, em Trombudo Central, está de “cara nova”. Foi finalizada nesta semana a revitalização da estrutura. O trabalho incluiu, principalmente, a pintura das paredes externas. “Concluímos a pintura, podendo dizer que é um sonho sendo realizado. Afinal, a escola precisa ser um ambiente prazeroso e aconchegante”, ressalta a diretora Márcia Gisele Salvador.

Foram investidos na obra recursos disponibilizados pelos Governos Federal e Municipal. Ocorreram ainda a limpeza no pátio e a poda das árvores. “Um trabalho importante, desenvolvido através da parceria de sucesso entre as Secretarias de Educação e Obras. Agradeço também aos nossos queridos alunos voluntários pelo plantio de flores, pela limpeza do bosque e por estarem nos ajudando sempre que precisamos”, reconhece Márcia.

Essas ações têm como objetivo deixar a unidade pronta para as comemorações do aniversário de 20 anos de fundação. Inclusive, uma festa está sendo programada para setembro, com direito a um resgate histórico dessas duas décadas de atividades educacionais.

PROJETOS

O Centro de Educação Básica Erica Hasse conta atualmente com cerca de 180 alunos matriculados, do 1º ao 9º ano do ensino fundamental. A equipe é formada por 20 profissionais, desde o setor administrativo, equipe de docentes e merendeiras. “Os estudantes estão incluídos NO Programa Mais Educação, com atendimento em período integral. Os trabalhos extraclasse são oficinas de dança, teatro e artesanato e jogos matemáticos”, explica a secretário de Educação, Cátia Marangoni Geremias.

Outra atividade que se destaca é o cultivo de hortaliças na horta da escola. Os alunos fazem o plantio, acompanham o desenvolvimento das plantas, realizam a colheita e  consomem o que foi plantado através da merenda escolar. “Para o mês de maio, estamos programando o lançamento de um novo projeto intitulado A não Violência e a Paz na Escola”, finaliza a diretora.

Comentários