Empresários da China podem investir em Taió

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O vereador Joel Sandro Macoppi (PP) apresentou o município de Taió a um grupo de
investidores chineses do setor madeireiro, que tem interesse em instalar uma empresa no
município, eles atuam na área de fabricação de portas, janelas e móveis.

Os representantes da China e o vereador se reuniram nesta segunda-feira (04) com o
prefeito Almir Reni Guski no gabinete da prefeitura, onde foi apresentada a intenção de
investimentos. O vereador Macoppi explica que a valorização do dólar em relação ao
real e a quantidade de áreas de plantio de reflorestamento na região foram os principais
atrativos. “Eles querem montar uma parceria e vieram procurar o Município para ver a
viabilidade de incentivos para a instalação de uma fábrica, como o serviço de
terraplanagem do terreno”, disse.

O objetivo é implantar uma unidade para serrar e beneficiar a madeira que é exportada
para a China, hoje os chineses compram e enviam a madeira verde ao país de origem. O
grupo já possui unidades terceirizadas em localidades de Rio do Campo e Witmarsum e
se prepara para instalar um escritório de importação e exportação em Salete.

O vereador Macoppi ressalta que esta pode ser uma boa oportunidade de geração de
empregos para o distrito de Passo Manso. “Oferta de emprego está bem escasso lá,
outro benefício pode ser o valor agregado que o Município pode ganhar com a
movimentação financeira, pode ser o início de uma boa parceria”, falou.

O prefeito avaliou como positiva a primeira reunião e analisou que novamente o ciclo
da madeira começa a se destacar na região, através de reflorestamentos de pinus e
eucalipto. “Sempre que envolver investimento o Município tem interesse. Precisamos
gerar cada vez mais empregos e também renda. Eles estão à procura de parceiros e a
primeira conversa foi muito interessante”, concluiu Guski.

 

Comentários