Oito municípios do Alto Vale com foco do Aedes aegypti

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

No último boletim divulgado pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE/SC) apontou  que no período de 30 de dezembro de 2018 a 16 de março de 2019, foram identificados 9.469 focos do mosquito Aedes aegypti em 155 municípios. No Alto Vale, estão na lista, os municípios  de Pouso Redondo, Taió, Witmarsum, Rio do Oeste, Laurentino, Rio do Sul, Agronômica e Presidente Nereu.

O boletim da DIVE utiliza as informações dos casos suspeitos notificados pelos municípios no Sistema de Informações de Agravos de Notificação (SINAN On-line). Diferente do Ministério da Saúde, que divulga os casos prováveis, a DIVE divulga os casos confirmados, suspeitos e descartados, por entender que dentre os casos prováveis, muitos estão aguardando resultados laboratoriais e investigação epidemiológica.

No período, foram notificados 929 casos de dengue em Santa Catarina. Desses, 51 (6%) foram confirmados, 22 (2%) estão inconclusivos, 532 (57%) foram descartados por apresentarem resultado negativo para dengue e 324 (35%) estão sob investigação pelos municípios.

Comentários