Anuncie aqui!
Publicado há 17:34 | Atualizado em 14/04/19 às 05:04

Presidente da Câmara de Vereadores é condenado

O presidente da Câmara de Vereadores de Chapecó, Aristide Fidelis (PSB), foi condenado a pena de oito anos de prisão em regime fechado, por sete tentativas de homicídio e seis meses em regime aberto por embriaguez ao volante.

Ainda foi negado o direito de recorrer em liberdade, sendo assim, foi determinada a prisão imediata de Fidelis, ainda no Tribunal do Júri. O vereador foi levado para o Presídio Regional de Chapecó onde cumprirá a pena em cela especial por exercer cargo público, conforme prevê legislação.

Aristide foi condenado por ter provocado um acidente sob o efeito de álcool, que feriu sete pessoas, no dia 1º de maio de 2014.

Através de nota, a Secretaria Geral da Câmara de Vereadores de Chapecó se manifestou.

“Em virtude da decisão da 1ª Vara Criminal da Comarca de Chapecó, informo que, conforme determina a Lei Orgânica Municipal, em seu artigo 28, § 4º, o vereador Arestide Fidelis, privado de sua liberdade em decorrência de processo em curso, será considerado licenciado pelo período que perdurar a privação de liberdade, com a consequente suspensão do pagamento de seu subsídio.

Ainda, será convocado seu suplente nos termos do artigo 94 do Regimento Interno e do artigo 39 da Lei Orgânica Municipal. A presidência da Câmara será ocupada pelo vice-presidente, vereador Ildo Adão Antonini.

Mareli Panizzi – Secretária-Geral