Hospital Regional pode perder R$ 7 milhões

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Hospital Regional Alto Vale de Rio do Sul pode perder R$ 7 milhões em razão de ação do governo

A Fundação de Saúde do Alto Vale do Itajaí, entidade mantenedora do Hospital Regional de Rio do Sul, pode deixar de receber cerca de R$ 7 milhões, caso o Supremo Tribunal Federal (STF) decida pela inconstitucionalidade a ação direta impetrada pelo governador Carlos Moisés da Silva. O argumento é contra a emenda que destinou 10% do Fundo Estadual de Saúde para os hospitais filantrópicos de Santa Catarina.

O presidente da Fusavi, Giovani Nascimento, adiantou que caso seja considerada inconstitucional pelo STF, a instituição terá que adotar a emenda um choque de gestão para evitar problemas no futuro, como a redução de alguns procedimentos. Ele observou que esses recursos serviriam para o custeio administrativo e operacional inclusive com despesas de pessoal e encargos sociais, garantindo desta forma a sobrevivência das instituições.

 

Comentários