MP pede revogação de lei institucional em Taió

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

MP pede revogação de lei institucional em Taió

O Ministério Público de SC, determinou que  o município de Taió revogue uma lei criada em 2013 que dava gratificação há apenas oito profissionais do setor da saúde do município. A enviada pelo então prefeito Hugo Lembeck, MDB, tinha o aval do ex-secretário de saúde e vereador Klaus Dieter Diel.

 

 

 

Comentários