- A informação que gera opinião!

Estado aporta mais de meio bilhão em obras, entregas e créditos

O Governador teve quatro dias de roteiro pelo Oeste e Extremo-Oeste do Estado, na última semana.

Por Redação

26 de julho de 2021

às 10:20

Compartilhe

 Em quatro dias de roteiro pelo Oeste e Extremo-Oeste de Santa Catarina, o governador Carlos Moisés levou a dezenas de municípios mais de R$ 570 milhões para obras e ações que vão melhorar a vida dos catarinenses e acelerar o desenvolvimento do estado. Em investimentos com recursos próprios do Governo e de emendas parlamentares, são cerca de R$ 326 milhões. Também estão incluídos R$ 243,5 milhões do BRDE em linhas de crédito que vão fomentar os negócios e a economia da região.

 Para o governador Carlos Moisés, as ações realizadas são o resultado prático da implementação de medidas de gestão e controle do dinheiro público, destinando os recursos para atender as prioridades de cada região. “Com o corte de desperdícios, revisão de contratos e outras medidas de controle do dinheiro do público, o Estado consegue levar, com recursos próprios, investimentos para o cidadão nos municípios. É ali que o Governo tem que estar presente, parceiro das ações que realmente vão amenizar o sofrimento das pessoas, trazer mais oportunidades, renda e desenvolvimento”, afirma Carlos Moisés.

 Na agenda de trabalho com passagem pelos municípios de Concórdia, Abelardo Luz, São Lourenço do Oeste, Chapecó, São José do Cedro, Maravilha e Itapiranga, o chefe do Executivo estadual fez uma série de anúncios, vistorias, convênios, entregas e liberações de recursos. Somente para obras de infraestrutura, os investimentos ultrapassam os R$ 229 milhões. Com a ação do Governo do Estado, obras aguardadas há décadas pela população vão sair do papel. O governador ainda autorizou verba para a Saúde e realizou entregas na área da educação.

 Os municípios também foram contemplados com recursos de emendas parlamentares. Aliás, este é outro compromisso que vem sendo honrado pela atual gestão, como reconheceram os deputados nos atos acompanhando o governador. De acordo com os parlamentares, hoje, independentemente de partido, todos recebem sua cota e de forma transparente. Os deputados também enalteceram a capacidade do Estado em voltar a investir com recursos próprios, com a garantia de que eles estarão disponíveis no caixa do tesouro estadual.

 O presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, Mauro de Nadal, e os deputados Luciane Carminatti, Marcos Vieira, Marlene Fengler, Maurício Escudlark, Moacir Sopelsa, Neodi Saretta, Onir Mocellin, Paulinha da Silva, Padre Pedro Baldissera e Valdir Cobalchini, além dos deputados federais Celso Maldaner e Caroline De Toni acompanharam Carlos Moisés entre os atos pelas duas regiões. O montante em emendas parlamentares passa dos R$ 75 milhões. Os recursos serão revertidos em obras e ações em dezenas de municípios, conforme indicação dos parlamentares estaduais.

 Por onde passou, o governador ouviu palavras de agradecimento como as do prefeito João Rodrigues, de Chapecó, pelo que considerou o maior pacote de investimentos da história do município, com o anúncio pelo Governo do Estado de mais de R$ 62 milhões em recursos. “Isso dará um impulso tanto no desenvolvimento econômico quanto na qualidade de vida da população chapecoense”, agradece Rodrigues.

 O prefeito de Concórdia, Rogério Pacheco, agradeceu por ver se concretizar o maior investimento dos últimos 30 anos na Infraestrutura do município. Somente para a duplicação de uma das vias mais importantes da cidade, o Estado vai destinar mais de R$ 32 milhões. E em São Lourenço do Oeste, o momento foi de renovar a esperança com os recursos para a tão sonhada obra no contorno viário Leste. “Eu cheguei a imaginar que isso não sairia mais do papel. Graças à receptividade do governador que se sensibilizou com nossa demanda hoje podemos comemorar”, celebrou, emocionado, o prefeito Rafael Caleffi.

 No roteiro pelas regiões Oeste e Extremo-Oeste, o governador Carlos Moisés garantiu que nenhum município ou região serão esquecidos. “Queremos estar cada vez mais perto dos municípios, é neles que as pessoas moram, produzem, criam seus filhos, fazem a economia girar. É nessa parceria que acreditamos e ela vai se repetir em todas as regiões para transformar para melhor a vida e a realidade dos catarinenses”, conclui Carlos Moisés.

 Fonte: Secom/SC

Últimas notícias

Ao todo, 963 unidades escolares, de um total de 1.064, passaram por melhorias.
Alto risco ronda pacientes das Unidades Básicas de Saúde Vila Mariana e Centro/Palmital. Aviso foi divulgado em nome da secretária de Saúde, Rozi Terezinha de Souza. Mensagem tenta amenizar a gravidade da situação ao informar que locais de atendimento estão “temporariamente sem médicos”. Como se tal circunstância não fosse um absurdo inadmissível. O anúncio nem sequer diz quando novos profissionais assumirão as vagas. Apenas sustenta que Rozi “já” tomou providência. Mas, diante de tamanha ameaça, o portal Alto Vale Agora troca o “já” de Rozi por um “POR QUE” dirigido à secretária. Leia e entenda...
Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas.