- A informação que gera opinião!

Festival Brasileiro da Cerveja investe em 2022

7 de julho de 2021

às 21:43

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Festival Brasileiro da Cerveja, maior evento do setor no país. foca na sua próxima edição, marcada para março de 2022, uma maior capilaridade nacional. 

A equipe da Associação Blumenauense de Turismo, Eventos e Cultura (Ablutec) tem percorrido produtores de todas as regiões do país para que esta representatividade aumente cada vez mais. 

Em sua 15ª edição, o Festival ocupará os setores 2 e 3 do Parque Vila Germânica, em Blumenau.

Além disso, a loja com produtos exclusivos com a grife do evento será ampliada, assim como o seu portfólio. 

As atrações musicais, modelo consagrado nas edições pré-pandemia, devem se mantêm. 

Develon da Rocha, presidente da Ablutec comenta:

“Estamos muito confiantes. Apesar da crise, o mercado está em crescimento e o evento é consolidado como o mais importante do Brasil”.

“O evento é um dos principais fomentadores da cultura cervejeira do nosso país e a Ablutec trabalha constantemente para inová-lo, fazendo com que se torne mais atrativo para o público e para as cervejarias. Não poderia ser diferente em 2022”.

“O Festival já tem o DNA da cerveja brasileira. Prova disso é a receptividade de cervejeiros das regiões norte e nordeste para a 15ª edição”. 

É o caso de Lissandro Turatti, da Cervejaria Turatti, de Forteleza (CE), que já adquiriu seu estande:

“O mercado daqui ainda é incipiente e não tem a força do sul do país. Daí nosso desejo de participar e expandir nosso mercado”.

Alessandro Bakk, da cervejaria Jalapa, de Palmas (TO), é outro que já tem espaço no Festival:

“Conheci como consumidor e agora vou como empresário. Temos nosso negócio há quatro anos e será uma ótima oportunidade para exposição da marca e de contatos”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Últimas notícias

Portões ficam abertos das 6h30 às 19h até o feriado de 2 de novembro.
Depoimento da historiadora Rosa Maria Tesser sobre a Guerra do Contestado foi transmitido durante a sessão.
Isabela Machado Mayer recebeu a moção na sessão deste terça-feira (19).