- A informação que gera opinião!

Governador libera R$ 62 milhões para investimentos na cidade de Chapecó

O volume de investimentos é inédito na história de Chapecó.

Por Redação

23 de julho de 2021

às 09:40

Compartilhe

 O governador Carlos Moisés chegou a Chapecó com boas notícias na bagagem na noite desta quinta-feira, 22. O Governo do Estado anunciou a liberação de R$ 62 milhões para investimentos na maior cidade do Oeste, por meio de parcerias com a prefeitura. Os valores custearão a construção do Elevado da Bandeira, no acesso norte da cidade, a edificação de um novo pavilhão no Parque de Exposições Tancredo Neves, a criação de uma patrulha mecanizada para obras de infraestrutura nas áreas urbana e rural, além de um repasse para o custeio do enfrentamento da pandemia de Covid-19 no município.

 O volume de investimentos é inédito na história de Chapecó. Segundo Carlos Moisés, os aportes foram possíveis graças às medidas tomadas para melhorar a gestão do Executivo estadual, com o corte de despesas. Ele salienta que, assim como ocorre em Chapecó, os investimentos do Governo do Estado estão sendo feitos em todas as regiões catarinenses.

 “Nenhuma região do nosso Estado ficará esquecida. Aqui em Chapecó, estamos investindo em obras estruturantes, que ajudarão a melhorar a vida das pessoas. O Oeste tem um potencial de crescimento muito grande, e o Governo do Estado será parceiro em tudo aquilo que trouxer mais desenvolvimento. Os cidadãos só têm a ganhar com essa parceria entre o Estado e a prefeitura”, afirmou Carlos Moisés.

 O prefeito de Chapecó, João Rodrigues, fez um discurso de agradecimento pela parceria com o Governo do Estado. Segundo ele, o pacote de investimentos é o maior da história da cidade e dará um impulso tanto no desenvolvimento econômico quanto na qualidade de vida da população chapecoense.

 Fonte: Secom/SC

Últimas notícias

Ao todo, 963 unidades escolares, de um total de 1.064, passaram por melhorias.
Alto risco ronda pacientes das Unidades Básicas de Saúde Vila Mariana e Centro/Palmital. Aviso foi divulgado em nome da secretária de Saúde, Rozi Terezinha de Souza. Mensagem tenta amenizar a gravidade da situação ao informar que locais de atendimento estão “temporariamente sem médicos”. Como se tal circunstância não fosse um absurdo inadmissível. O anúncio nem sequer diz quando novos profissionais assumirão as vagas. Apenas sustenta que Rozi “já” tomou providência. Mas, diante de tamanha ameaça, o portal Alto Vale Agora troca o “já” de Rozi por um “POR QUE” dirigido à secretária. Leia e entenda...
Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas.