- A informação que gera opinião!

Governador participa de audiência pública sobre infraestrutura em Brasília nesta terça-feira

BR-163 é uma das que receberia recursos do Estado.

Por Redação

17 de agosto de 2021

às 09:42

Compartilhe

 O governador Carlos Moisés participa de audiência pública com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, no Senado, nesta terça-feira, 17, em Brasília. Entre os assuntos estão o aporte de R$ 350 milhões do Governo do Estado para acelerar as obras em três rodovias federais: a BR-470, lotes 1 e 2, entre Navegantes e Gaspar, no Vale do Itajaí; a BR-163, entre São Miguel do Oeste e Dionísio Cerqueira, e a BR-280, entre Joinville e São Francisco do Sul, no Norte.

 O aporte de recursos do Estado nas três rodovias federais foi aprovado pela Alesc.Também estão na pauta a implantação de uma nova pista para transporte de cargas no Aeroporto de Navegantes, a ampliação das faixas de tráfego na BR-282, no trecho Lages-Florianópolis; e Novo Marco Regulatório das Ferrovias (PLS 261/2018).

 Acompanham o governador Carlos Moisés nesta terça-feira, 17, o secretário da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, o presidente da Assembleia Legislativa (Alesc), Mauro de Nadal, e o procurador-geral do Estado, Alisson de Bom de Souza.

 Fonte: Secom/SC

Últimas notícias

Ao todo, 963 unidades escolares, de um total de 1.064, passaram por melhorias.
Alto risco ronda pacientes das Unidades Básicas de Saúde Vila Mariana e Centro/Palmital. Aviso foi divulgado em nome da secretária de Saúde, Rozi Terezinha de Souza. Mensagem tenta amenizar a gravidade da situação ao informar que locais de atendimento estão “temporariamente sem médicos”. Como se tal circunstância não fosse um absurdo inadmissível. O anúncio nem sequer diz quando novos profissionais assumirão as vagas. Apenas sustenta que Rozi “já” tomou providência. Mas, diante de tamanha ameaça, o portal Alto Vale Agora troca o “já” de Rozi por um “POR QUE” dirigido à secretária. Leia e entenda...
Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas.