- A informação que gera opinião!

Governo envia projetos à Alesc para aportar mais R$ 115 milhões para obras em rodovias federais

A entrega dos projetos foi feita na tarde desta quarta-feira (01).

Por Redação

2 de setembro de 2021

às 09:20

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 O Governo do Estado enviou dois projetos de lei para a Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, 1º de setembro, para obter autorização para aportar mais R$ 115 milhões em obras de rodovias federais em Santa Catarina. Serão R$ 100 milhões para os lotes 3 e 4 da duplicação da BR-470, no Vale do Itajaí, e R$ 15 milhões para a finalização da BR-285 até a divisa com o Rio Grande do Sul, na Serra da Rocinha.

 A entrega foi feita na tarde desta quarta-feira (01) pelo chefe da Casa Civil, Eron Giordani, e pelos secretários da Infraestrutura, Thiago Vieira, e da Fazenda, Paulo Eli, ao presidente da Alesc, deputado Mauro De Nadal, e ao conjunto de líderes partidários.

 Caso a proposta seja aprovada, o total a ser investido nas rodovias federais pelo Governo do Estado chegará a R$ 465 milhões. Serão R$ 300 milhões para a BR-470, R$ 100 milhões para a recuperação da BR-163, no Oeste, R$ 50 milhões para a duplicação da BR-280 e R$ 15 milhões para a BR-285.

 No caso da BR-470, os lotes 1 e 2, mais adiantados, receberão R$ 200 milhões. O envio do projeto de lei é fruto de um acordo costurado há duas semanas pelo governador Carlos Moisés com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, durante uma audiência pública no Senado, em Brasília, com a participação da bancada federal catarinense.

 “Contamos com uma apreciação rápida dos nossos deputados, até pela importância do tema. Inclusive o presidente da Alesc, deputado Mauro de Nadal, estava conosco em Brasília quando o acordo foi selado. O aporte do Governo do Estado é fundamental para destravar essas importantes obras. Santa Catarina não pode mais esperar”, diz o governador.

 Tramitação rápida e assinatura de convênio

 O chefe da Casa Civil, Eron Giordani, reforçou que o Legislativo já autorizou a aplicação de valores em rodovias federais anteriormente. Segundo ele, o projeto está maduro dentro do Parlamento.

 O secretário Thiago Vieira destacou que a minuta do Termo de Cooperação com Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) já está pronta. Os R$ 350 milhões já aprovados pela Alesc poderão ser usados imediatamente, enquanto os demais R$ 115 milhões esperarão a autorização legislativa.

 “Estamos tramitando a parte administrativa e esperamos assinar o Termo de Cooperação, que será único, na próxima semana. A partir disso, ele já gera efeitos para os R$ 350 milhões. Para os R$ 115 milhões, o uso do dinheiro poderá ocorrer a partir da aprovação no Parlamento”, explicou Vieira.

 Segundo o deputado Mauro De Nadal, os projetos terão uma tramitação célere. Ele reforça que eles serão analisados apenas pela Comissão de Finanças e Tributação, o que deverá agilizar a sua aprovação. “A essência dessa questão já foi debatida aqui na Casa”, afirmou Nadal.

 Para que seja possível a aplicação dos recursos estaduais em obras federais, o Executivo protocolou dois projetos de lei na Alesc. Um deles autoriza a abertura de crédito de R$ 115 milhões em favor da Secretaria de Infraestrutura (SIE) para que o órgão possa conveniar com o Governo Federal. O outro altera a Programação Físico-Financeira do Plano Plurianual para o quadriênio 2020-2023, atualizando os valores a serem investidos nas BRs.

 Fonte: Secom/SC

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Últimas notícias

As regras valem tanto para usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS) ou beneficiárias de planos de saúde.
As regras para contratações temporárias e os instrumentos de cooperação com a iniciativa privada estão entre os pontos mais criticados pela oposição.