- A informação que gera opinião!

Plano 1000 firma compromisso de R$ 94,8 milhões para 14 municípios

Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas.

Por Redação

18 de fevereiro de 2022

às 07:00

Compartilhe

 O Governo do Estado firmou compromisso de liberar R$ 94.834.774,31 para 33 projetos que integram o Plano 1000. A publicação está no Diário Oficial da última quarta-feira, 16. As ações incluem obras de drenagem, pavimentação, implantação de sistema binário, construções de Centros de Referência de Assistência Social (CRASs), revitalizações, entre outros.

 “São obras estruturantes que estavam há muito tempo guardadas e que, agora, estão se tornando realidade. É o Governo do Estado cumprindo seu compromisso e dando celeridade ao Plano 1000”, destaca o governador Carlos Moisés. Foram contemplados nesta etapa Chapecó, Criciúma, Blumenau, Bombinhas, Mafra, Painel, Penha, Rio do Sul, Rio Negrinho, Água Doce, Capão Alto, Cerro Negro, Curitibanos e Ituporanga.

 Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas. O primeiro repasse da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC) será de R$ 23,6 milhões. “Os valores serão liberados na apresentação do resultado da licitação. O Plano 1000 já é uma realidade e estamos trabalhando, com eficiência e gestão, para aportar recursos que atendam às necessidades dos catarinenses”, disse o secretário da SEF/SC, Paulo Eli.

 Nesta quinta-feira, 17, foram realizadas reuniões na SEF/SC com os prefeitos de Seara, Indaial, Pinhalzinho, Pomerode e São Bento do Sul para discutir os projetos que serão aportados pelo Plano 1000.

 Plano 1000

 O maior projeto municipalista da história de Santa Catarina, o Plano 1000, está destinando R$ 7,3 bilhões para transformar projetos em obras estruturantes que promovam o desenvolvimento e mais qualidade de vida.

 Pelo programa, os municípios catarinenses receberão recursos equivalentes a R$ 1 mil por habitante. Para calcular quanto cada cidade tem direito a receber, o Governo do Estado leva em conta as estimativas habitacionais mais recentes, fornecidas pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE).

 Projetos aprovados nesta etapa e o valor total:

 Água Doce

 – Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

 Blumenau

– Pavimentação Asfáltica da Rua Walter Berner – R$ 2.354.156,97

– Projeto de macrodrenagem Rua Paulo Kuehnrich no Bairro Itoupava Norte – R$ 4.823.087,61

– Revitalização da Rua Gustavo Zimmermann – R$ 5.000.000,00

– Contenção de encostas das Ruas Caçapava e Otília Pasold – R$ 2.527.893,43

 Bombinhas

– Drenagem, Pavimentação e Urbanização da Rua Ágata – R$ 4.978.737,55

– Drenagem, Pavimentação e Urbanização da Rua Açucena – R$ 1.000.000,00

 Capão Alto

– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

 Cerro Negro

– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

 Chapecó

– Construção de Centro de Inovação em Salvamento Veicular e Saúde – R$ 4.990.000,00

 Criciúma

– Construção de Unidade Básica de Saúde Porte I e Porte II – R$ 5.000.000,00

– Revitalização da Avenida Luiz Lazzarin – R$ 5.000.000,00

– Revitalização das Ruas das Ruas Giácomo Biléssimo e Imigrante Meller e Pavimentação da Rua Walmir Orsi – R$ 5.000.000,00

 Curitibanos

 – Aquisição de veículo tipo auto socorro de urgência – ASU- Ambulância – R$ 260.000,00

 Ituporanga

– Implantação do contorno viário sul no município – R$ 5.000.000,00.

 Mafra

– Pavimentação de acesso industrial Campo Novo – R$ 3.626.992,89

– Implantação do sistema binário no Bairro Vila Nova – R$ 4.035.179,21

– Implantação do sistema binário no Bairro Jardim América – R$ 5.000.000,00

 Painel

 – Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

 Penha

– Obras de infraestrutura para implementação da terceira avenida às margens da Transbeto – R$ 4.996.400,00

– Obras de infraestrutura para implementação parque linear na Praia do Quilombo – R$ 4.999.000,00

 Rio do Sul

– Requalificação viária da Alameda Bela Aliança – R$ 3.348.838,08

– Pavimentação de trecho da Rua Conselheiro Willy Hering – R$ 1.210.782,17

– Drenagem, Pavimentação e Sinalização da Rua Fernado Cerutti – R$ 1.384.047,51

– Requalificação viária da Ruas Lauro Muller, Vitor Meirelles, Pedro Américo e Macrodrenagem no Bairro Budag – R$ 5.000.000,00

 Rio Negrinho

– Obras de reforço estrutural no Pavilhão dos Imigrantes – R$ 1.727.712,99

– Pavimentação Asfáltica no acesso ao Distrito Volta Grande – R$ 3.297.032,95

– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 837.448,36

– Construção de Creche no Bairro Cruzeiro II – R$ 1.627.591,32

– Reforma e Modernização do Ginásio Municipal de Esportes José Brusky Junior – R$ 1.323.473,27

– Pavimentação em concreto do Pátio de Manobras do Aeródromo Municipal – R$ 686.400,00

– Revitalização do Mercado Público – R$ 300.000,00

– Construção de Complexo Esportivo – R$ 2.500.000,00

 Fonte: Secom/SC

Últimas notícias

Ao todo, 963 unidades escolares, de um total de 1.064, passaram por melhorias.
Alto risco ronda pacientes das Unidades Básicas de Saúde Vila Mariana e Centro/Palmital. Aviso foi divulgado em nome da secretária de Saúde, Rozi Terezinha de Souza. Mensagem tenta amenizar a gravidade da situação ao informar que locais de atendimento estão “temporariamente sem médicos”. Como se tal circunstância não fosse um absurdo inadmissível. O anúncio nem sequer diz quando novos profissionais assumirão as vagas. Apenas sustenta que Rozi “já” tomou providência. Mas, diante de tamanha ameaça, o portal Alto Vale Agora troca o “já” de Rozi por um “POR QUE” dirigido à secretária. Leia e entenda...
Em dois dias de visita ao MP catarinense, a Comissão de Planejamento Estratégico do Conselho Nacional do MP conheceu ações inovadoras da instituição e divulgou o Planejamento Estratégico nacional.