- A informação que gera opinião!

Prefeitura lança Refis com descontos de até 100% em juros e multas

Os débitos dos contribuintes com o município ultrapassam R$ 10 milhões.

Por Redação

20 de agosto de 2021

às 14:00

Compartilhe

 A Prefeitura de Presidente Getúlio, por meio da Lei Complementar Municipal nº 2.440/2021, institui o Programa de Recuperação Fiscal (REFIS). O objetivo é facilitar as condições de pagamento para que o contribuinte possa regularizar as dívidas com o município.

 Os débitos a que o programa se refere são relacionados a tributos, como IPTU, ISS, taxas municipais, custas processuais e honorários advocatícios gerados até 31 de dezembro de 2020, que estão inscritos em dívida ativa, em execução fiscal ou a executar.

 O Refis 2021 possibilita descontos de juros e multa, sendo 100% para pagamento à vista, 90% para pagamento em até 2 vezes e 80% para pagamento em até 3 vezes, bem como de 50% para quem optar pelo pagamento em até 18 vezes.

 Atualmente, as dívidas dos contribuintes com o município ultrapassam de R$ 10 milhões. Para o prefeito, Nelson Virtuoso, ao incentivar a regularização fiscal, o Município terá mais possibilidades de receber os valores devidos. “Desse modo, será possível a promoção de ações que impactem na melhoria da qualidade de vida de toda a população”, destaca.

 Os contribuintes interessados em negociar as dívidas deverão procurar o setor de Tributação da Prefeitura, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h30 às 16h30. O prazo para adesão ao REFIS é até 29 de outubro. Mais informações poderão ser obtidas por meio do telefone 3352-5533.

 Fonte: Assessoria de Comunicação, Município de Presidente Getúlio

Últimas notícias

Ao todo, 963 unidades escolares, de um total de 1.064, passaram por melhorias.
Alto risco ronda pacientes das Unidades Básicas de Saúde Vila Mariana e Centro/Palmital. Aviso foi divulgado em nome da secretária de Saúde, Rozi Terezinha de Souza. Mensagem tenta amenizar a gravidade da situação ao informar que locais de atendimento estão “temporariamente sem médicos”. Como se tal circunstância não fosse um absurdo inadmissível. O anúncio nem sequer diz quando novos profissionais assumirão as vagas. Apenas sustenta que Rozi “já” tomou providência. Mas, diante de tamanha ameaça, o portal Alto Vale Agora troca o “já” de Rozi por um “POR QUE” dirigido à secretária. Leia e entenda...
Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas.