- A informação que gera opinião!

Quase 70 mil pessoas não retornaram para tomar a segunda dose da vacina contra a Covid-19

Os dados são do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SiPNI), do Ministério da Saúde.

Por Redação

29 de junho de 2021

às 13:20

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 Levantamento feito pela Secretaria de Saúde de Santa Catarina nesta segunda-feira, 28, mostra que 68.011 pessoas que tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19 não retornaram, no tempo adequado, para tomar a segunda dose. Deste total, 47.650 são de pessoas vacinadas com a Coronavac e 20.361 de pessoas vacinadas com AstraZeneca. Os dados são do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SiPNI), do Ministério da Saúde.

 O superintendente de vigilância em saúde, Eduardo Macário, reforça que o intervalo recomendado entre a aplicação da dose um e dois da Coronavac é de 28 dias e da AstraZeneca, de 12 semanas. “Por mais que a primeira dose da vacina ofereça uma pequena proteção, não é suficiente. Quem não toma as duas doses da vacina não está protegido e ainda pode ficar uma falsa sensação de segurança. Completar o esquema vacinal com as duas doses é essencial, além de manter os cuidados como o uso de máscara, higienização das mãos e distanciamento social”, ressalta o superintendente.

 Por esse motivo, o Governo de Santa Catarina reforça o pedido para que a população não se esqueça de retornar para tomar a segunda dose. Na segunda-feira passada, 21, quase cem mil pessoas que deixaram de tomar a segunda dose.

 Fonte: Secom/SC

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Últimas notícias

Já com a segunda dose, são 1.271.313 de catarinenses, dos grupos prioritários
A projeção é que todos os catarinenses com 18 anos ou mais sejam vacinados com menos a primeira dose até 31 de agosto.
São 120.510 doses da Pfizer e 99.800 da Coronavac.