- A informação que gera opinião!

Unidades escolares retomam atendimento em período integral

Medida passa a valer a partir da próxima segunda-feira (06).

Por Redação

3 de setembro de 2021

às 13:40

Compartilhe

 Após novo Decreto estadual com relação a cuidados sanitários na pandemia de Covid-19, os Centros de Educação Infantil Municipais passarão a atender sem intervalo. Portanto, a partir do dia 06 de setembro (segunda-feira), os pais ou responsáveis que necessitam do atendimento, não precisarão mais retirar os filhos das unidades ao meio-dia.

 Mesmo com a mudança, a higienização e sanitização dos ambientes, como os demais protocolos de segurança, estão mantidos. No entanto, a rotina, que inclui a hora do descanso das crianças, voltará a ser seguida, como antes da pandemia.

 O novo Plano Municipal de Contingência à COVID-19 para a Educação mantém a necessidade de cuidados como a limpeza do local, uso de máscara e a disposição de álcool em gel. “Com certeza manteremos nossa responsabilidade com relação a saúde das crianças, como sempre fizemos, mas sabemos também o quanto este retorno ao atendimento normal vai facilitar a vida das famílias”, considera o secretário de Educação, Cultura e Desporto, Paulo Cesar Longen.

 As crianças que participam do Programa Criança Cidadã, nas Escolas Guilherme Rotermel e Tancredo Neves, também poderão permanecer nas unidades escolares ao meio-dia.

 Fonte: Assessoria de Comunicação, Município de Presidente Getúlio

Últimas notícias

Ao todo, 963 unidades escolares, de um total de 1.064, passaram por melhorias.
Alto risco ronda pacientes das Unidades Básicas de Saúde Vila Mariana e Centro/Palmital. Aviso foi divulgado em nome da secretária de Saúde, Rozi Terezinha de Souza. Mensagem tenta amenizar a gravidade da situação ao informar que locais de atendimento estão “temporariamente sem médicos”. Como se tal circunstância não fosse um absurdo inadmissível. O anúncio nem sequer diz quando novos profissionais assumirão as vagas. Apenas sustenta que Rozi “já” tomou providência. Mas, diante de tamanha ameaça, o portal Alto Vale Agora troca o “já” de Rozi por um “POR QUE” dirigido à secretária. Leia e entenda...
Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas.