- A informação que gera opinião!

Conselho de Ética analisa representações nesta terça-feira

Em pauta está a leitura, discussão e votação do parecer do deputado Alexandre Leite (DEM-SP).

Por Redação

24 de agosto de 2021

às 09:40

Compartilhe

 O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados reúne-se nesta terça-feira (24), às 14 horas, no plenário 11, para discutir e votar pareceres a representações contra deputados.

 Estão na pauta da reunião:

 – Comunicações acerca das representações 10/21, 11/21 e 12/21, em desfavor dos deputados Diego Garcia (Pode-PR), Ricardo Barros (PP-PR) e Luis Miranda (DEM-DF), respectivamente;

 – Leitura, discussão e votação do parecer do deputado Alexandre Leite (DEM-SP), relator dos processos referentes às representações 02/19 e 03/19, do Partido Progressistas (PP), em desfavor do deputado Boca Aberta (Pros-PR).

 O PP alega que Boca Aberta “adotou procedimento incompatível ao decoro ao adentrar ambiente hospitalar sem autorização, desrespeitando funcionários, causando desordem e expondo pessoas em rede social.”

 As representações fazem referência a uma gravação em vídeo, feita pelo parlamentar no Hospital São Camilo, em Jataizinho (PR), na qual o deputado mostra um médico dormindo na sala de descanso dos funcionários. O vídeo foi feito e divulgado sem autorização em março de 2019.

 Em sua defesa, Boca Aberta disse que não houve invasão, uma vez que a UPA é pública e que “plantão é plantão” e o médico não poderia dormir, ainda que não houvesse pacientes.

 Fonte: Agência Câmara de Notícias

Últimas notícias

Foi um ‘tiro no pé’. Ao barrar os vereadores, líderes da ADAS colhem tempestade de críticas não apenas por desabonar autoridades públicas, mas também devido à suposta fome de lucros e por descaracterizar a verdadeira essência de um dos eventos mais tradicionais de Salete (SC).
Eder ‘pediu a cabeça’ de Rozi em sessão da Câmara de Vereadores de Taió (SC). Pivô da discórdia é médico credenciado que já faturou quase R$ 1,4 milhão no município. Veja!
As trocas durante a janela partidária deverão alterar a composição das bancadas na Câmara dos Deputados.