- A informação que gera opinião!

Girão acusa CPI da Pandemia de ignorar desvios de verbas federais durante a pandemia

O senador Eduardo Girão (Podemos-CE) disse que está coletando assinaturas para criar uma Comissão Mista Parlamentar de Inquérito para apurar desvios, desperdícios, corrupção, nos estados e municípios.

Por Redação

30 de setembro de 2021

às 10:20

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 Em pronunciamento, nesta quarta-feira (29), o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) afirmou que a CPI da Pandemia está chegando ao fim sem atender a um dos requerimentos que deram origem a ela. Para ele, faltou investigar as irregularidades que teriam ocorrido em estados e municípios por suposto desvio de verbas federais durante a pandemia do coronavírus.

 O senador falou sobre a importância do que foi apurado até este momento na Comissão de Inquérito, mas ressaltou que a CPI da Pandemia ignorou os “bilhões de reais” recebidos pelos estados e municípios. Para ele, “existe uma blindagem explícita de poderosos dentro da CPI”.

 — Não porque nós não queremos, mas porque não deixaram a gente fazer a apuração desses bilhões de reais de verbas federais enviadas para Estados e Municípios. Foram realizadas mais de 130 operações pela Polícia Federal, uma das entidades mais acreditadas do nosso País e pela própria CGU [Controladoria-Geral da União], que confirmaram gravíssimas irregularidades, exatamente nesses entes federados no combate à pandemia — disse Girão.

 O parlamentar destacou que considera como “símbolo nacional de corrupção” na pandemia a compra fraudulenta de respiradores em todo país. O senador citou a aquisição de respiradores pelo Consórcio Nordeste, por casa de massagem, loja de vinho e loja de brinquedo.

 — Esses casos escandalosos podem ser apenas a ponta do iceberg, neste País fantástico, onde, infelizmente, os valores da corrupção, ainda, nós temos todas essas notícias que a gente não pode apurar nessa CPI — declarou.

 O Parlamentar ainda disse que está coletando assinaturas para criar uma Comissão Mista Parlamentar de Inquérito (CPMI) para que se a busque a imparcialidade, a verdade sobre esses desvios, desperdícios, corrupção, que não ocorreu na CPI da Pandemia.

 Fonte: Agência Senado

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Últimas notícias

Críticos consideram mecanismo autoritário, atentado à vacinação não obrigatória e risco à disseminação do vírus, além de criar ‘cidadãos de segunda classe’. No entanto, maioria dos prefeitos ouvidos na região defende ideia, apesar de ainda não haver planos para decretar medida. Outra parte dos gestores alerta que ação fere direitos, além de ameaçar liberdades. E, ao passaporte sanitário, eles dizem: “não”.
Deputados parabenizaram e pediram valorização dos professores durante a sessão plenária.
O senador Wellington Fagundes (PL-MT) homenageou todas as entidades que desenvolvem projetos solidários ou de grande relevância social.