- A informação que gera opinião!

PLs que criam rotas Caminho dos Príncipes e do Cicloturismo vão a plenário

Os Projetos de Lei foram aprovados por unanimidade pelo Comissão de Turismo e Meio Ambiente.

Por Redação

19 de agosto de 2021

às 10:40

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 Por unanimidade, a Comissão de Turismo e Meio Ambiente aprovou, na tarde desta quarta-feira (18), a criação das rotas turísticas Imperial Caminho dos Príncipes, de autoria do deputado Nilso Berlanda (PL), e a do Circuito Vale Europeu de Cicloturismo, de autoria dos deputados Milton Hobus (PSD) e Laércio Schuster (PSB). Encerrada a tramitação nas comissões, os dois projetos seguem agora para votação em plenário.

 Com o parecer favorável da deputada Dirce Heiderscheidt (MDB), o PL 226/2021 prevê a criação da Rota Turística Imperial Caminho dos Príncipes, de que farão parte os municípios de Rio Negrinho, São Bento do Sul, Campo Alegre, Joinville, Araquari, São Francisco do Sul, Balneário Barra do Sul, Guaramirim, Jaraguá do Sul e Corupá.

 De acordo com o autor da matéria, a rota turística tem como objetivo específico divulgar os eventos e pontos turísticos dos municípios que a integram, bem como potencializar o desenvolvimento socioeconômico regional e estadual. “Combinando história e cultura, desenvolvimento econômico e preservação da natureza, belas paisagens litorâneas e bucólicos recantos rurais, a Rota Turística Imperial Caminho dos Príncipes será um dos roteiros turísticos mais diversificados e atraentes de Santa Catarina”, explicou Berlanda.

 Ele explica que o nome turístico da região tem origem em um episódio histórico ocorrido em 1853, quando as terras do local em que hoje se situa a cidade de Joinville foram incluídas no dote de casamento do príncipe de Joinville com a princesa Francisca Carolina, irmã de D. Pedro II.

 Já o PL 206/2021 institui a Rota do Circuito Vale Europeu de Cicloturismo. O roteiro, de cerca de 300 km, abrange os municípios de Timbó, Pomerode, Indaial, Ascurra, Apiúna, Rodeio, Benedito Novo, Doutor Pedrinho e Rio dos Cedros.

 Os autores explicam que a ideia é ampliar esse trabalho que é feito desde 2006, estabelecendo e sinalizando os limites territoriais e itinerários, mapeando os serviços e os pontos turísticos da região, além de formar um consórcio para administração, manutenção e gestão das atividades. “Essa rota é instituída há vários anos pelo Consórcio Intermunicipal dos Municípios do Médio Vale do Itajaí e atrai pessoas de várias partes do Brasil e até de fora do país”, destaca Hobus.

 A proposta prevê ainda outros investimentos, como a implantação de programas de regularização e certificação de hospedagens e artesanatos, capacitação de agentes e serviços de atendimento ao turista e estímulo à divulgação nacional de eventos e atrativos da rota. Hoje, esse roteiro é o primeiro do país planejado e organizado para ser percorrido de bicicleta e o que mais atrai turista. Quem percorre toda a rota recebe um certificado.

 Fonte: ALESC

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Últimas notícias

O relator, senador Jorginho Mello, reforça o entendimento, em seu relatório, de que que a legislação brasileira é omissa em relação à proibição de apostas de brasileiros em sítios eletrônicos no exterior.
Deputados Bruno Souza e Jessé Lopes foram os proponentes da Audiência Pública.
Projeto que institui Dia Catarinense da Abelha também foi sancionado e transformado em lei.